Controle de Fluxo de Caixa: por que preciso ter?

Nós estamos no mês de descomplicar o financeiro da sua Box. Já falei com você sobre o crédito recorrente e sobre o controle de contas a pagar. Chegou a hora de conversarmos sobre o seu fluxo de caixa!

Você sabe o que é?

O fluxo de caixa é uma ferramenta fundamental para o controle financeiro da sua Box. Sem ele, você não consegue administrar as finanças do seu negócio e nem se programar para eventuais gastos ou investimentos a longo prazo.

No fluxo de caixa, é imprescindível que você registre: PAGAMENTOS, RECEBIMENTOS e PREVISTOS.

Isto é, você precisa colocar num papel, planilha ou sistema tudo que você paga, desde salários dos coaches até taxas de limpeza, luz e água – TUDO.

Registre também o que entra, desde mensalidades, taxas de matrícula ou até produtos que você venda separadamente na Box, como camisetas, acessórios ou afins.

Fora isso, coloque também o que é previsto que entre ou saia. Dessa forma, você poderá ter uma visão geral da saúde financeira da sua Box.

Atente-se ao fato de que não é porque você tem muitos clientes, vende produtos de upsell e paga todas as contas que você está sabendo administrar o seu negócio. Para ter essa visão de forma real, é importante que analise o seu fluxo de caixa.

Essa análise pode acontecer diária, semanal, quinzenal ou mensalmente.

De forma resumida, perceba, se você tem um saldo positivo muito alto, no seu fluxo de caixa, não necessariamente está lucrando muito. Às vezes, está perdendo a oportunidade de um investimento na infraestrutura da sua Box ou até de crescimento e expansão do seu negócio.

Da mesma forma, um saldo negativo é ruim, pois significa que ou você está gastando demais ou tem alunos de menos.

Além disso, essa análise te permite ter um panorama geral do momento financeiro da sua Box. O que te permite entender quais épocas precisam de uma maior contenção de despesas ou em quais você deve investir mais em marketing e captação de alunos, por exemplo.

As vantagens de analisar e registrar esse fluxo são muitas:

  • Prever, planejar e controlar entradas e saídas num período de tempo escolhido;
  • Fazer uma avaliação se as matrículas recebidas serão suficientes para cobrir todos os gastos assumidos e previstos;
  • Poder antecipar decisões relacionadas à à falta ou à sobra de dinheiro;
  • Descobrir se há aperto ou folga financeira na sua Box;
  • Se atentar para a necessidade de ajuste de preço das mensalidades;
  • Entender a necessidade e possibilidade de fazer promoções;

E o mais importante: ter certeza de que os recursos financeiros da Box serão suficientes para tocar o negócio ou se haverá necessidade de buscar dinheiro extra. Por isso, faça esse controle.

Como muitas dicas que eu já te dei, eu sei que começar não é tão simples e demanda certo trabalho, especialmente se até agora, você nunca usou nenhum tipo de ferramenta para registro ou controle financeiro.

Mas saiba que valerá a pena, afinal é através dessas informações que você conseguirá fazer projeções da saúde financeira da sua Box, de possíveis investimentos ou até de redução de custos.

É o que eu sempre digo, o melhor para qualquer empreendedor é se preparar. Imprevistos acontecem e nós não temos controle do comportamento dos clientes e muito menos do mercado, mas, para sobreviver, precisamos estar sempre um passo adiante, preparados e com várias cartas na manga.

E, para isso, controle e informação são fundamentais!

Como sempre, eu te desejo muito sucesso na tua caminhada e, qualquer dúvida sobre esse conteúdo ou algum outro, manda um e-mail pra mim e a gente bate um papo.

Tamo Junto!

Daniel Boico